GOVERNADOR VALADARES – Conhecida como “exportadora” de imigrantes para os Estados Unidos, Governador Valadares. Minas Gerais, vivia desde o início do ano um bom momento no mercado imobiliário. Com a alta do dólar, seus moradores em terras distantes aproveitavam para investir na cidade natal.

A maré virou há duas semanas. O rompimento de barragens da mineradora Samarco em Mariana, no último dia 5, colocou a cidade na rota de uma enxurrada de lama de rejeitos de minério que desceu o rio Doce. O maior desastre ambiental já registrado em Minas Gerais deixou a única fonte de água do município inutilizável. O cenário catastrófico assustou potenciais investidores.

Sentimos um baque. A questão agora é investir ou não investir em Valadares. Mas as pessoas têm medo porque ninguém tem a certeza do que vai ser o dia de amanhã

Nayane Freitas, gerente de uma imobiliária 

Nayane conta que os telefones da imobiliária pararam de tocar após a tragédia de Mariana tomar conta dos noticiários. “Uma senhora que estava com a compra de um imóvel de R$ 500 mil quase fechada desistiu essa semana e disse que foi por causa do desastre no rio.”

Gerente de negócios de uma imobiliária, Iêdo Trindade de Aguiar conta que o foco agora está voltado para o problema ambiental, e por isso o mercado foi paralisado. “As pessoas estão pensando se não é melhor investir em outro local”, conta

Para o corretor de imóveis Ricardo Santos Duarte, ainda é muito cedo para falar que o mercado imobiliário da cidade está em crise por conta da enxurrada de lama. “Ainda não sabemos exatamente que proporção o problema pode tomar, mas pode nos afetar se as autoridades não apresentarem alternativas rapidamente”, opina.

Desconfiança da água

O receio dos clientes passa pela desconfiança com relação à qualidade da água captada no rio que corta o município e pelo medo do rompimento de outras barragens da Samarco. A empresa anunciou ter iniciado obras emergenciais para tentar evitar outro desastre, que colocaria em risco áreas ribeirinhas de Governador Valadares, como o bairro nobre da Ilha dos Araújos, completamente cercado pelo rio Doce.

Os planos da imobiliária de elevar os valores da tabela de vendas já foram abortados. Os investimentos em propagandas em veículos de comunicação nos Estados Unidos estão sob reavaliação.

“Aqui em Valadares a gente vive quase exclusivamente do comércio. Quando um setor passa por dificuldades, todos os outros são afetados”, afirma Nayane. “A impressão atual é que a cidade vai morrer”, declara.

Fonte: UOL

Deixe um comentário

2 Comentários em "Valadares Perde Investimentos de Brasileiros nos Estados Unidos Após Lama"

avatar
Ana
Visitante

Olá gostaria muito de ajuda , quero fazer uma faculdade ano que vem , mas gostaria de algo que facilitasse eu conseguir emprego nos Estados Unidos no futuro, mas nao a sei de que , to muito interessados em comércio exterior mas não acho nada que me ajude . Gostaria de algo na área Administrativa o que VC pode sugerir ?

wpDiscuz