Imigrante que Volta ao Brasil Ganha Apoio do Ministério do Trabalho

Fonte:  Comunidade News

Brasileiros terão ajuda para reingressar no mercado de trabalho

Foi oficializado na terça-feira (14), pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e pelo Instituto de Solidariedade Educacional e Cultural (ISEC) o Núcleo de Apoio a Brasileiros Retornados do Exterior. O órgão vai ajudar os brasileiros que retornam do exterior a ingressar no mercado de trabalho.

Segundo o site administradores.com.br, o núcleo funcionará no bairro da Liberdade, em São Paulo, a partir do início de 2011. Quem voltar para o Brasil será encaminhado pelo núcleo para cursos de qualificação profissional e receberá oportunidades de emprego.

Criado, segundo o MTE, para proteger os trabalhadores, o núcleo nasceu a partir de um relatório do “Grupo de Acompanhamento do Cenário Internacional, os Impactos nos Movimentos Migratório e a Necessidade de novas Políticas Públicas”. Pertencente ao Conselho Nacional de Imigração, o grupo mostrou em um relatório o fluxo de pessoas que voltavam principalmente do Japão e dos Estados Unidos.

Iniciativas similares ao Núcleo de Apoio já aconteceram no Brasil. Medidas que estimulavam a criação de pontos de recepção e apoio para quem retorna do exterior foram aprovadas pelo MTE, em abril do ano passado. Assim como o recém oficializado núcleo, os profissionais brasileiros recebiam encaminhamento e orientação para o mercado de trabalho.

O mesmo tem acontecido para o brasileiro que mora no exterior. No Japão, a Casa do Trabalhador atende a brasileiros que querem informações sobre assuntos previdenciários, regras trabalhistas e financiamentos.
Dados da consultoria Fesa, que tem escritórios em Curitiba (PR), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ), mostram que o interesse em voltar a viver e trabalhar no Brasil pode estar aumentando. Entre 2008 e 2009, a consultoria viu um aumento de 20% na média de currículos recebidos de executivos.

Dos currículos recebidos do ano passado até agora, 50% é de profissionais que vivem nos Estados Unidos, e 10% pertence a brasileiros que estão na América Latina. Os currículos oriundos da Ásia somaram 5%, e os vindos da Europa ficaram em 35%.

A Fesa recebe cerca de 50 currículos ao mês. Entre os principais motivos que levam os brasileiros a querer retornar estão as possibilidades para a carreira e as altas remunerações. 

Reproduzido com permissão e em parceria com a Comunidade News.

Comunidade News

Comunidade News é um jornal voltado à comunidade brasileira em Massachusetts. Comunidades News tem uma parceria com Brasileiros nos Estados Unidos pela qual temos permissão para reproduzir o conteúdo abaixo.

guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Mauricio
Mauricio
9 anos atrás

quero viver nos EUA
logo que chegar ja vou ter de encontrar alguem para casar?
quanto tempo sera q eles vão me dar de permanencia se eu n me casar?
como posso me oferecer para trabalhar fora do país?
é verdade que se vc se casar com alguem do mesmo sexo em New York vc ganha Green Card?

1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x