Fonte:  Comunidade News

Chega ao fim o pesadelo da brasileira Tereza Pereira, presa pela imigração no dia 24 de janeiro do ano passado. Em audiência realizada no último dia 7, à 1pm, na Corte de Imigração de Hartford, o juiz Michael Straus decidiu parar a deportação dela e do marido, Carlos Lima. Straus disse que a deportação do casal seria altamente prejudicial aos dois filhos do casal, que nasceram nos Estados Unidos.

Segundo Lima, a audiência durou cerca de 3 horas, e foi acompanhada por muitos amigos do casal. “Brasileiros, americanos e portugueses”, disse ele. Na opinião de Tereza, o juiz levou em consideração o futuro dos filhos do casal. “Talvez meu filho mais velho tivesse que ficar nos Estados Unidos”, disse Tereza, que chorou ao falar sobre os filhos. A sessão teve que ser interrompida. Tereza emocionou até mesmo os cerca de 20 jurados. “Só o juiz não chorou junto”.

Conforme matéria publicada no The News Times, o advogado Michael Boyle, encarregado do caso, chegou a contatar uma universidade brasileira, onde um professor de biologia molecular disse que Thiago não teria chances de freqüentar uma universidade brasileira. Isto porque o vestibular se concentra, por exemplo, na língua portuguesa.

Segundo Tereza, Boyle estava lutando por um caso muito raro, devido aos argumentos que usou. “Ele colocou em questão as notas que o Thiago tem na escola e o quanto seria importante para ele ficar no país”. Boyle disse que os juízes geralmente param as deportações em casos de filhos americanos com sérias necessidades especiais ou problemas de desenvolvimento.

Erros graves

O drama de Tereza e Carlos começou em 1988, quando conheceram um brasileiro chamado Almir, que disse que legalizaria o casal pela lei de 7 anos. Eles pagaram $7,000 pelo processo. Desconfiado, o casal procurou os advogados Maria Luiza de Castro e Manuel Nieves, de Hartford, na esperança de conseguir se legalizar.

A dupla de advogados foi indicada para Lima por José Santos, que junto com a família, foi deportado, no caso conhecido como a Família Santos. Já tentando a legalização com os novos advogados, Lima e Tereza ficaram sabendo que tinham assinado um processo de legalização por casamento com outras pessoas, na época do contato com Almir.

Tereza e Lima tinham ordem de deportação datada de 2002 e 2004, respectivamente, mas os advogados Maria Luiza e Manuel nunca informaram ao casal. A deportação da família Santos aconteceu por erro de Maria Luiza, segundo Lima. Desde o momento de sua prisão, Tereza não deixou de pensar no resultado final. Apesar de confiante na vitória, era tomada por muita ansiedade e medo de ser deportada. Tereza e Carlos acham que o depoimento de Thiago foi crucial na decisão do juiz. “Acho que tocou o coração do juiz”, disse Tereza, que destacou também e agradeceu o bom trabalho de Michael Boyle. Agradecendo muito a Deus, Tereza se sente uma imigrante muito vitoriosa. “Foi uma luta muito grande”.

Thiago também acha que o depoimento dele, falando ao juiz das dificuldades de freqüentar uma faculdade no Brasil, foi bastante convincente. O jovem ainda está bastante emocionado com o resultado. Para comemorar, pretende ir ao Brasil junto com os pais. O casal deve receber o green card dentro de algumas semanas.

A prisão de Tereza ocorreu na casa dela, em uma mega operação, envolvendo cerca de 8 pessoas, entre agentes imigratórios e a polícia. Na época, o casal não entendeu a presença dos agentes na casa deles. Somente depois é que souberam do erro cometido pela advogada Maria Luiza de Castro.

Reproduzido com permissão do Comunidade News.  Leia outros artigos do Comunidade News.

Deixe um comentário

50 Comentários em "Depois de Quase ser Deportada, Brasileira Receberá Green Card"

avatar
Redação BNEU
Admin

Marcos,
Você não per
de o visto. Porém se você viajar para os EUA com visto de turista enquanto o seu processo está andando o oficial da imigração pode questionar suas intenções já que você demonstrou que quer ficar nos EUA permanentemente.

Gilson
Visitante

Olá Marcos
Tenho visto de turismo, e minha irmã e cidadã Americana, caso ela faça uma aplicação I-130 à meu favor, eu perco o meu visto de turismo?

Redação BNEU
Admin

Neto,

Os procedimentos de exames médicos para o green card são explicados aqui:
http://www.uscis.gov/portal/site/uscis/menuitem.eb1d4c2a3e5b9ac89243c6a7543f6d1a/?vgnextoid=288a0a5659083210VgnVCM100000082ca60aRCRD&vgnextchannel=288a0a5659083210VgnVCM100000082ca60aRCRD
Você precisa preencher o formulário I-693. Você pode encontrar as instruções aqui:
http://www.uscis.gov/files/form/i-693instr.pdf
A regras referentes à HIV mudaram recentemente, e portanto é aconselhável checar com o USCIS.

Dirceu
Membro

o exame hiv eh obrigatorio? em que etapa do casamento e entrada no green card eh necessario tais exames?

Dirceu
Membro

quais sao os exames obrigatorios para quem vai se casar com uma americana aqui nos estados unidos?

Redação BNEU
Admin

Fabiola,

Lamento que isso tenha acontecido com você. Infelizmente não temos nada que possamos lhe informar além do que os advogados estão lhe aconselhando. A ajuda de um bom advogado é essencial em casos difíceis como o seu.
Boa sorte,

Redação BNEU
Admin

Simone,

Você não pode trabalhar fora do campus da escola com o visto de estudante. Em termos do visto, vai depender vários fatores. Veja aqui para mais informações sobre este assunto:
http://www.brasileirosnosestadosunidos.com/como-aprender-ingles-nos-estados-unidos/

Redação BNEU
Admin

Adriana,

Em casos complicados como o seu é aconselhável a ajuda de um advogado de imigração.

Elisângela de Lima Abreu
Visitante

Olá gente tudo meu sonho é morar em new york sei que neste momento não é possivel mas indepedente disso gostaria de ter amizades mesmo que pelo computador com vocêd aí nos estados unidos por favor me encontrem no orkut Elisangela de lima abreu

João
Visitante

Boa tarde galera … gostaria de fazer novas amizades e ter contato com pessoas que moram nos eua (brasileiros) pretendo e gostaria muito de ir embora do Brasil e morar aí trabalhar estudar etc …. se alguém puder me add para trocarmos idéias agradeço desde já : jppoleto@hotmail.com

fabiola
Visitante
Ola, meu nome e Fabiola e moro em Massachusetts. Em 2001 dei entrada no meu processo de legalizacao (245) atraves do trabalho. Sou so mais uma das vitimas do John Dvorak, de Boston. Ele simplesmente botou um papel falso no meio do processo, e eu acreditei. Depois de uma longa espera, em 2009, recebi uma carta dizendo que meu processo foi negado. Procurei outros advogados, todos disseram a mesma coisa: eu poderia me salvar pois estou aqui ha 10 naos, mas meu marido nao, (esta aqui ha 7 anos)…Fui na corte 2 vezes, sendo adiada pq nao fui com advogado.… Read more »
Simone
Visitante

Bom dia, me chamo Simone e pretendo ir estudar inglês em Nova York, inha amiga esta indo agora em outubro e eu vou em janiero do ano que vem…
É possível que eu consiga algum trabalho free lancer lá, como babá ou manicure??
Tenho curso de manicure, e no caso precisaria ter lago assim para ajudar minha amiga nas despesas…
Será que consigo o visto,estou tirando meu passaporte, agora em novembro tenho que entregar a documentação. Será que terei dificuldade… Vou ter a matricula docursopois minha amiga vai fazer e me enviar….

Obrigada.

HERALDO
Visitante

Olá,

Como posso obter um visto para fazer um curso nos EUA? Não é faculdade, nem instituição de ensino reconhecida, é apenas um curso, em uma instituição livre. Há um tipo de visto específico, ou não?

Gostaria de ir para adquirir mais conhecimento na minha área (teatral), mas de antemão não sei exatamente onde vou estudar. Há como ter um visto sem saber onde se vai estudar ainda?

Obrigado!!

Adriana
Visitante
Oi, me chamo Adriana,preciso de 1 informacao por favor: tenho green card de 2 anos que vencera em Janeiro de 2011. Neste mes dei entrada nos papeis de meu divorcio ( me casei em Maio de 2008). Meu casamento durou quase 2 anos e meio e infelizmente,meu casamento terminou, mas somos amigos. Ele eh um colombiano cidadao americano. Terei que entrar com novo pedido para o green card de 10 anos antes de Janeiro de 2011 e nao irei como casada e sim como divorciada. O que voces acham? Terei sucesso ? Preciso de um conselho sobre como fazer? ……obrigado… Read more »
Marcos Martins
Membro
Vilma, Para “segurar” o Green Card atraves de casamento com um americano voce precisa permanecer casada por no minimo 2 anos apos o recebimento do GC. Para obter a cidadania atraves de casamento com um americano voce precisa permanecer casada por no minimo 3 anos apos o recebimento do GC. (ou mais 3 anos apos ter permanecido casada por no minimo 2 anos apos o recebimento do GC). Se voce divorciar antes de 2 anos (mesmo tendo casado de boa fe) isto contraria a lei, portanto a Imigracao nao tem que lhe dar o beneficio. Acredito que se voce se… Read more »
indhira
Visitante

ola, sou tec em radiologia e gostaria de saber: se eu fosse para os eua eu consiguiria trabalhar na minha area? oq eu teria que fazer?grata.

Vilma
Visitante
Ok Marcos, valeu pela dica. Entao , pelo que eu entendi da sua resposta: mesmo o casamento tendo sido de boa fe, eles entrariam com o processo de Imigracao. E nesse processo eu teria que comprovar a veracidade do casamento, correto? E pelo fato do casamento ter terminado antes de 1 ano, isso seria um problema serio para mim, correto? Mas, se eu optar em me casar novamente (casamento real) isso nao levantaria mais suspeitas deles, ele poderiam pensar que eu me casei novamente , somente pelo papel, ou nao ? Voce sabe dizer quanto tempo leva esse processo de… Read more »
Marcos Martins
Membro

Vilma,

Antes de receber o GC de 10 anos voce tera que entrar com um Petition to Remove the Conditions of Residence. O processo e semelhante ao do I-130 e voce deve provar que esta casada.

Obviamente voce nao estara casada.

Existe a possibilidade (quase certa) da imigracao entrar com o processo de imigracao.

Existem pouquissimas opcoes para voce, uma delas seria casar com outro americano (casamento real – nao se arrisque com casamento falsificado).

Boa Sorte.

Vilma
Visitante
Ola senhores, tenho uma duvida : Fui casada com um americano ,mas o casamento nao chegou a 1 ano, a relacao nao deu certo e nos separamos muito rapido. Bom, hoje eu vivo aqui nos USA com a green card valido para 2 anos. Minha duvida eh: sera que quando eu for aplicar novamente para green card de 10 anos, eles me deixarao ficar mesmo sendo divorciada ? Claro, o casamento foi real mas como fiquei pouquissimo tempo casada tenho receio deles nao me deixarem ficar e hoje minha vida esta feita aqui, estudo e trabalho aqui nesse pais. Me… Read more »
wpDiscuz