Fonte:  Comunidade News

 Renato Câmara está sendo monitorado por uma pulseira eletrônica.

 A tentativa de um brasileiro em conseguir se legalizar nos Estados Unidos através de meios ilícitos está agora o colocando na fila de deportação.

Mesmo depois de ter sido pego durante uma entrevista de legalização por casamento, Renato Câmara, 37, tentou, três anos depois, outro casamento por green card no estado do Alabama.

A juíza Katherine Nelson ordenou que o brasileiro fosse liberado da cadeia e colocado sob prisão domiciliar monitorado por uma pulseira eletrônica.

De acordo com documentos federais, o brasileiro chegou aos Estados Unidos em 2005 com um visto de turista. Em 2007 ele se casou com Dianne Rojas, aplicando para o green card posteriormente.

Durante a entrevista na Imigração, que aconteceu individualmente, o funcionário notou discrepâncias nas respostas. Dianne acabou confessando que a união era uma farsa e que Renato teria oferecido U$6.000 pelo casamento.

As autoridades iniciaram um processo de deportação contra o brasileiro em outubro de 2010 após uma audiência realizada no mês anterior.

Mas em fevereiro de 2011, Renato se casou novamente com Angela Green, que já havia sido acusada anteriormente por fraude em um casamento. Ela admitiu aos investigadores que o casamento com Renato também era falso e que tinha recebido U$600 de um total de U$8.000 prometido pelo brasileiro.

A gente especial do Departamento de Segurança Interna, Randy Hoffman, testemunhou que Angela disse aos investigadores que Renato ficava na casa dela de três a quatro dias por semana. Ele foi encontrado nesta casa e preso pelas autoridades na última semana.

“Ele queria se mudar para dar credibilidade ao casamento”, disse Hoffman.

O assistente da promotoria, Adam Overstreet, pediu a juíza do caso para manter Renato na prisão devido ao risco de fuga. Ele chamou o acusado de “mentiroso comprovado” que tentou falsificar seu primeiro casamento. “E não é que ele entra em um segundo casamento através de meio falsos”, disse o promotor.

Reproduzido com permissão e em parceria com a Comunidade News.

 

Deixe um comentário

23 Comentários em "Brasileiro que Fez Dois Casamentos Falsos para se Legalizar Será Deportado"

avatar
Leandro
Visitante
Vários comentários enojam pelo sentimento segregacionista. Seria compreensível haver neste post observações negativas partindo de americanos a respeito de imigrantes, ou de candidatos a imigrantes, que se utilizam de meios inapropriados para a permanência nos EEUU. Contudo, temos brasileiros, que nunca deixarão de ser enxergados ou tratados como “cucaratchas”, sugerindo penas mais severas para outros infelizes compatriotas. Duvido que esses, que mais apontam seus dedos, não burlariam o processo imigratório se tivessem possibilidades – na verdade, tenho a certeza de são os que mais fariam isso. Não concordo com qualquer tipo de ação ilegal ou imoral para a obtenção de… Read more »
luciana
Visitante

elas tbm deveriam ser punidas afinal elas compactuaram com ele

dunha
Visitante

eu acho engraçado brasileiro dizendo que o kra deveria ir para cadeira elétrica por falsificar um casamento é isso mesmo?

Não acho certo oque ele fez mais tambem não é pra tanto, não sabemos a história de vida dele oque ele passou para chegar a esse ponto, não estou defedendo o kra só não acho certo matar uma pessoa por falsificar um casamento para permanecer no país e ter uma vida melhor…

eduardo
Visitante

ISSO NÃO EXISTE, SE VC PAGAR POR UM CASAMENTO, ONDE VÍ SAIA POR 6 A 8 MIL REIAS, ELES SÃO OBRIGADOS A TE DAR O GREEN CARD , QUE CHEGA DENTRO DE UNS 6 MESES.
AQUI CHEGAM A 2 SEMANAS DE VIAGEM E JA CASAM, E DIZEM QUE SE CONHECIAM PELA NET, ETC… NINGUEM PODE NEGAR O CASAMENTO.

clemildo garcia
Visitante

PERGUNTA SOU CASADO COM UMA CIDADÃ AMERICANA ,MAS MORAMOS NOS BRASIL ,ELA NO MOMENTO NÃO ESTA TRABALHADO AQUI ,EU SIM ,MAIS SERIA POSSIVEL EU PEDIR UM GREEN CARD ATRAVEZ DO CASAMENTO ? HA ALGUM PRAZO MINIMO DE TEMPO DE CASAMENTO PRA SE PEDIR O GREEN CARD (TIPO MENOS DE DOIS ANOS OU MAIS DE DOIS ANOS )A PRINCIPIO ESTA SERIA MINHA DUVIDA ,PORQUE ATRAVEZ DA INTERNET TENHO LINDO QUE ELA PODE ME CEDER O GREEN CARD MAIS TERIA DE ESTAR TRABALHANDO NOS USA ISSO PROCEDE ? OU ELA PODE MESMO ESTANDO NO BRASIL E SEM TRABALHAR NOS USA.
GRATO
CLEMILDO GARCIA

Redação BNEU
Admin

Roberto,

Você estaria cometendo fraude, e não posso comentar.

Roberto
Visitante

Já vivi nos EUA por 4 anos, e voltei já faz 8 anos. Nesse ínterim me casei aqui no Brasil e mudei meu último sobrenome, nesse caso quando quiser tirar novo visto, posso omitir que já vivi nos EUA, visto que fiquei ilegal por 4 anos? Ou seria descoberto na apresentação dos meus documentos ao consulado???

Redação BNEU
Admin

Paulo,

Perante a lei atual não existe um caminho para a cidadania para imigrantes ilegais, mesmo os que já estão aqui a mais de 10 anos. Você deveria procurar um advogado para lhe orientar sobre a sua situação de ser casado com uma americana.

Redação BNEU
Admin

Cleuza,

Não sei exatamente o que você está querendo alcançar, mas recomendaria a ajuda de um advogado.

paulo
Visitante

olha ano que vem vou fazer dez ano que estou aqui so inlegal aqui sou casado com americana tenho filho com ela ele vai fazer um ano agora gostaria de saber no que isso mim ajudaria aqui nos estado unido pois sempre veijo pessoa falando que uma pessoa que tem 10 ano que mora nos estado unidos pode tenta pega doculmento aqui sem precisa de vouta para brasil gostaria de saber si isso e mesmo verdade obrigado si vcs pode tira minhas duvida

cleuza
Visitante

Gostaria de saber como denunciar um brasileiro que veio no Brasil e deixou uma mulher gravida e voltou para Estado Unidos e aranjou um casamento falso e tem outra namorada no Brasil que não é a pessoa que teve seu filho.

Daniel Alves
Visitante

Sao pessoas assim que mancham a imagem do brasileiro no exterior.

Wagner
Visitante

TInha que ir pra cadeira elétrica! mentiroso. Esse tipo de gente prejudica todos os outros brasileiros “do bem” que querem apenas viver lá. Por causa de uma maçã podre, todo o resto do cesto apodrece tbm.
Safado, mentiroso…. brasileiro!

123paraiba
Visitante

ele e paraibano da cidade de espernça no brejo paraibano pq nao acresenta essa informações

trackback

[…] de casamentos arranjados, no qual o cidadão americano aceita de casar por uma quantia paga.  O casamento arranjado por pagamento para obter o green card é ilegal, e não é recomendado.  Hollywood já se aproveitou este tema para fazer um filme chamado Green […]

trackback

[…] RelacionadosBrasileiro que Fez Dois Casamentos Falsos para se Legalizar Será DeportadoConsulado dos EUA no Brasil Barra Viagem de BolsistaVI Conferência da Comunidade Brasileira – […]

Núbia
Visitante

Acho certo a pessoa ser deportada.E será que uma pessoa casada no Brasil poderá casar nos Estados Unidos e não acontecer nada?

Lox
Visitante

Creio que brasileiro começará a pensar mais em se comportar nos EUA quando um deles for colocado em uma Cadeira Elétrica – sem apelação. Assim, como diz em gírias, “irão sossegar o facho.”. Aguardemos este fato com paciência. Quando isto ocorrer, vão implorar para ser deportados. Os americanos ainda não pensaram nisso. Talvez, seja uma carta na manga.

Carlos Henrique
Visitante

Vergonha…

wpDiscuz