Fonte:  Comunidade News 

A Galeria Ward Nasse em Nova Iorque abre mais uma vez as portas para os brasileiros. Com a exposição “Summer Solstice” (Solstício de Verão), que iniciou no dia 1° de junho e segue até o dia 30 do mesmo mês, o local pretende dar o merecido espaço para artistas de vários estados brasileiros.

A abertura oficial é no dia 13 de junho, das 7pm às 10pm, quando também acontece o lançamento do livro “Conexões da Arte”, dos críticos de arte Enock Sacramento e Oscar D’ambrosio. Participam da exibição os artistas Cristina Matarasso, Milton Mota, Ricardo Paraíso Pinto, a fotógrafa Taís Melillo e Leda Maria, esta última também curadora do evento.

Está prevista a presença de mais 6 artistas brasileiros, trazidos por Tânia Sciacco, do Sciacco Studio. O nome da exposição foi sugerido pela fotógrafa Taís por conta da proximidade da estação do sol.

As obras de Cristina Matarasso chegam para dar um certo tom de poesia. Em fevereiro último, a artista pintou o quadro “Os Anjos de Drummond” para a exposição “Diálogos com Drummond”, realizada na Casa das Rosas em São Paulo.

Pela segunda vez na Ward Nasse este ano, o concretista Milton Mota traz a geometria, a cores ou em preto e branco. Usando modernas tecnologias, ele ainda conta com materiais como o plástico, o aço e o vidro para compor as obras.

Membro da Ward Nasse, Ricardo Paraíso traz desenhos que mesclam fantasia e realidade, num jogo de fortes cores como o rosa-shocking e o vermelho. As fotos de Taís Melillo fazem parte da série “Watchers”, onde visitantes foram clicados em museus. E Leda Maria continua observando tudo com olhos de artista, brincando com texturas e preparando um novo projeto de instalação.

Luta por Espaço

Mesmo feliz por mais esta conquista de todos os artistas, a curadora não esconde a frustração, e diz que o mercado de artes de Nova Iorque ainda é um tanto fechado para os brasileiros, na opinião dela. Porém, procura não desanimar e segue descobrindo novos talentos em estados como Rio Grande do Norte, Paraíba e na capital, Brasília, dando assim chance a todos.

Estes grupos especiais já estão sendo contatados para expor na Ward Nasse, onde as obras tem cada vez mais agradado aos americanos e europeus.

Solstício de Verão está aberta à visitação de terças a sábados, das 11am às 6pm, e aos domingos, da 1pm às 6pm.
Informações adicionais estarão em breve no website http://www.wardnasse.org./ O endereço da galeria é 178 Prince Street, Soho, (212) 925-6951.

Reproduzido com permissão do Comunidade News.  Leia outros artigos do Comunidade News.

Deixe um comentário

1 Comentário em "Estação do Sol dá o Tom de Exposição Brasileira em Nova Iorque"

avatar
Paulo Roberto Rocha
Visitante

Escreví 300 livros,manuscritos,sobre temática de interesse comum:”Coincidências”.Teoria da Sincronicidade.Preciso anfitrião nos EUA até firmar-me Escritor.Um livro ao mes.Naturalização e aprendizado do idioma.Participando o percebimento pecuniário com o hospedeiro.Tenho curso superior.Poderá ser uma iniciativa relevante.Por favor,atenda-me.

wpDiscuz