Nova York abriu no dia 12 de Janeiro um processo de inscrição para a retirada de documento de identidade por parte de imigrantes indocumentados, uma iniciativa lançada pelo prefeito democrata, Bill de Blasio, para melhorar a situação de meio milhão de estrangeiros que vivem na cidade.

Todos os residentes com mais de 14 anos podem obter este documento municipal de identidade, que será aceito pela polícia de Nova York como prova de identificação, permitirá o acesso a todos os prédios públicos e dará outros benefícios, destacou a prefeitura.

Logo após assumir a prefeitura, em fevereiro de 2014, De Blasio garantiu que não deixaria “qualquer novaiorquino vivendo nas sombras” devido a sua “situação migratória”.

“O documento de identidade de Nova York não é apenas um carteira para todos os novaiorquinos; é uma porta aberta para os serviços da cidade, a chave para se abrir uma conta bancária ou obter um cartão de biblioteca…”, afirmou De Blasio.

“Esta identidade representa quem somos: novaiorquinos que valorizam a igualdade, a oportunidade e a diversidade”.

Em uma primeira etapa, a prefeitura abriu 17 centros de inscrição, nos distritos de Manhattan, Bronx, Queens, Brooklyn e Staten Island.

 

Fonte: Beto Moraes / AFP

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
wpDiscuz