Fonte: Comunidade News

Brasil terá que cumprir várias exigências para se qualificar para a dispensa do visto.

Evitando falar em prazo para entrar em vigor, a secretária do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos, Janet Napolitano, assinou em Brasília, declarações de intenção para facilitar as viagens de passageiros entre os dois países, e também o comércio bilateral.

Os documentos foram assinados com os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e de Relações Exteriores, Antonio Patriota. Segundo o Itamaraty, sede da diplomacia brasileira, na declaração assinada, os integrantes dos dois governos concordaram em criar um grupo de trabalho sobre assuntos relativos a vistos entre os dois países.
O grupo, segundo o governo brasileiro, deverá constituir plataforma para propor medidas e procedimentos para atender aos requisitos do Programa de Dispensa de Vistos dos Estados Unidos e da legislação brasileira, de maneira a possibilitar que cidadãos dos EUA e do Brasil viajem entre os dois países sem necessitar de vistos.

Este grupo de trabalho, ainda segundo a declaração assinada, deverá ser composto de representantes de ambos os governos e deverá reunir-se para discutir um controle imigratório mais rápido e iniciativas relativas à isenção de vistos entre os dois países.

“A primeira reunião do GTV deverá ser realizada em Washington D.C., EUA, até novembro de 2012. Cada Participante deverá implementar esta Declaração Conjunta em concordância com sua legislação doméstica e as políticas aplicáveis”, informa o documento assinado pelos representantes dos dois governos.

Facilitação de vistos

No começo deste ano, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou que a facilitação dos vistos para brasileiros era prioridade. Desde então, algumas medidas atenuantes foram adotadas, como a eliminação da necessidade de novas entrevistas para quem quer renovar vistos expirados há até quatro anos e a isenção de impressão digital para pessoas com mais de 66 anos e menos de 16.

Em abril deste ano, porém, a diplomata norte-americana, Katie Caro, informou que existe possibilidade de os EUA deixarem de exigir visto de entrada para brasileiros, mas isson não deve ocorrer no curto e no médio prazos. Ela é cônsul em São Paulo, o posto diplomático dos EUA que mais emite vistos no mundo, e trabalha na instalação do novo consulado americano de Porto Alegre, a ser inaugurado provavelmente em 2014.

Reproduzido com permissão e em parceria com a Comunidade News.

Deixe um comentário

5 Comentários em "EUA Evitam Estipular Prazo para Dispensar Visto a Brasileiros"

avatar
Redação BNEU
Admin

Rafaela,

Tecnicamente não, mas se seu direito de estadia expirar antes do novo visto sair você não pode ficar.

Rafaela
Visitante

Gostaria de saber se quem entra nos EUA com o visto de turista, precisa retornar ao Brasil para trocar o visto para estudando ou de trabalho?!

Redação BNEU
Admin

Adriana,

O mais seguro é checar diretamente com o consulado americano.

Adriana
Visitante

Uma dúvida referente ao trecho do texto:

” Desde então, algumas medidas atenuantes foram adotadas, como a eliminação da necessidade de novas entrevistas para quem quer renovar vistos expirados há até quatro anos […]”

**** Meu visto de estudante venceu em 15/Maio/12. Então quer dizer que não preciso fazer uma nova entrevista? E como fica o tramite caso agora eu deseje tirar um visto de turista?

Obrigada

wpDiscuz